//
você está lendo...
BRASIL

Virada: Palmeiras e Corinthians 2 x 1

Na tarde deste domingo (28), a equipe alviverde bateu o arquirrival por 2 a 1, de virada. Depois de Emerson abrir o placar, Luan e o estreante Fernandão (com um golaço) asseguraram o triunfo, em jogo válido pela última rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro.

Mesmo com a derrota, o Corinthians leva o título simbólico da primeira metade da competição nacional, com 37 pontos ganhos. Flamengo (36) e São Paulo (35) também permanecem em segundo e terceiro respectivamente, ao passo que o Palmeiras vai a 32 pontos e continua com boas chances.

De volta à equipe titular, Emerson foi o jogador mais agudo no início do clássico. Logo no primeiro minuto, o atacante abriu pela ponta direita e só foi parado com falta por Thiago Heleno. Pouco depois, colocou a bola entre as pernas de Gabriel Silva e foi de novo derrubado. Em seguida, Marcos defendeu um chute rasteiro seu do bico esquerdo da área.

Pelo lado palmeirense, as melhores jogadas passavam pelos pés de dois jogadores. Kleber dificultava a vida da defesa, e Valdívia explorava bem os passes às costas do zagueiro Wallace, que atuava improvisado na lateral direita. Em um deles, Kleber recebeu – que já havia conseguido um cabeceio perigoso – e chutou firme, e Julio Cesar espalmou para fora.

Aos 18min, o lateral-esquerdo corintiano Ramon, até então pouco acionado, limpou a marcação e chutou rasteiro. Marcos defendeu com o pé, e a bola caiu para Paulinho. O volante também arriscou, e a bola desta vez ficou com Emerson. O atacante cruzou à meia altura, do lado direito, a bola passou por Henrique e morreu no fundo do gol de Marcos.

À frente, o time alvinegro começou a empurrar o Palmeiras para o campo de defesa, aproveitando vazios em uma faixa em que Patrik e Márcio Araújo batiam cabeça e confundindo os zagueiros Thiago Heleno e Henrique com a inversão de Danilo e Emerson a toda hora pelos lados.

Insatisfeito com o desempenho de Patrik, o técnico Luiz Felipe Scolari, suspenso e portanto fora do banco de reservas, passou orientação ao assistente Flávio Murtosa para a primeira alteração. O meia deixou o campo, ainda na etapa inicial, para a estreia do atacante Fernandão.

O recém-contratado ainda brilharia, mas foi com outro homem de frente que veio o gol de empate. Aos 34min, Marcos Assunção bateu escanteio fechado pelo lado esquerdo, a bola sobrou para Luan, e o atacante não perdoou: chutou forte e igualou o placar do Prudentão.

No retorno do intervalo, o Palmeiras virou aos 6min, com uma jogada muito bem trabalhada. Depois de uma série de passes, a bola chegou a Marcos Assunção, que lançou na medida para Fernandão. O atacante entrou atrás dos zagueiros, dominou a bola no peito e tocou na saída de Julio Cesar, marcando um golaço.

O gol deu calma ao Palmeiras, que encaixou melhor posicionamento defensivo e passou a atuar no erro adversário. O Corinthians se lançou para o ataque – Tite sacou Danilo e Jorge Henrique para as entradas de Willian e Morais -, mas encontrou muita resistência. Os mandantes, inclusive, estiveram próximos do terceiro gol, primeiramente com Luan e depois com Valdívia, mas o apito final, sem novas alterações no marcador, foi suficiente para sacramentar a festa alviverde.


FICHA TÉCNICA PALMEIRAS 2 X 1 CORINTHIANS

Local: Estádio Eduardo José Farah, em Presidente Prudente (SP) Data: 28 de agosto de 2011, domingo Horário: 16 horas (de Brasília) Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP) Assistentes: Marcelo Carvalho Gasse e Vicente Romano Neto (ambos de SP) Cartões amarelos: Gabriel Silva, Valdívia, Chico, Luan (Palmeiras); Leandro Castán, Jorge Henrique, Paulinho (Corinthians) Gols: PALMEIRAS: Luan, aos 34 minutos do primeiro tempo, e Fernandão, aos sete minutos do segundo tempo CORINTHIANS: Emerson, aos 18 minutos do primeiro tempo

Público: 36.299 pagantes Renda: R$ 962.666,00

PALMEIRAS: Marcos; Márcio Araújo, Thiago Heleno, Henrique e Gabriel Silva; Chico, Marcos Assunção (João Vítor), Valdívia e Patrik (Fernandão); Kleber e Luan Técnico: Flávio Murtosa

CORINTHIANS: Julio Cesar; Wallace (Edenílson), Chicão, Leandro Castán e Ramon; Ralf, Paulinho e Danilo (Willian); Emerson, Jorge Henrique (Morais) e Liedson Técnico: Tite ..

Terra

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: